Geral


“Vamos vacinar em janeiro”, diz o ministro da Saúde no combate ao coronavírus

Ministro da Saúde diz que a vacina será distribuída simultaneamente e Manaus e terá prioridade
13/01/2021 O Sul

Em pronunciamento nesta quarta-feira (13), o ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, afirmou que Manaus será a primeira capital do País a ser vacinada.

“Vamos vacinar em janeiro e Manaus será também a primeira a ser vacinada. Ninguém receberá a vacina antes de Manaus”, disse o ministro. “A vacina será distribuída simultaneamente em todos os estados, na sua proporção de população, e Manaus terá essa prioridade também”, afirmou Pazuello.

O ministro ainda alertou que a população deverá compreender que o início da imunização não significa ir para “rua fazendo festa”.

“A vacina induz a produção de anticorpos, essa é a função da vacina, ela vai induzir a produção de anticorpos. Quem produz os anticorpos é o próprio ser humano. Essa produção de anticorpos não é no dia seguinte. A literatura fala de 30 a 60 dias. Não é tomar a vacina no dia 20 e no dia 22 estar na rua fazendo festa. Nem vai resolver o problema da infraestrutura e do tratamento precoce de Manaus”, disse Pazuello.

Deixar um comentário

MAIS NOTÍCIAS

FACEBOOK

NEWSLETTER

Informe seu e-mail e fique por dentro das nossas novidades!

angela noticias

PREVISÃO TEMPO

HORÓSCOPO

COTAÇÃO AGRÍCOLA

INSTAGRAM

PODCASTS