Geral


Banco de Leite do Hospital Presidente Vargas, em Porto Alegre, precisa de doações

Banco tem capacidade para processar até cem litros de leite humano por mês, mas depende de doações para manter o estoque
13/01/2021 O Sul

O Banco de Leite Humano do HMIPV (Hospital Materno-Infantil Presidente Vargas), em Porto Alegre, está com baixo estoque do alimento para suprir as necessidades dos bebês prematuros internados na UTI Neonatal.

O banco tem capacidade para processar até cem litros de leite humano por mês, mas depende de doações para manter o estoque. Mães que estão amamentando, com excesso diário de leite (mínimo em torno de 50 ml), clinicamente saudáveis e residentes em Porto Alegre podem ser doadoras. Basta entrar em contato com o hospital, localizado na avenida Independência, 661, esquina com a rua Garibaldi, pelo telefone (51) 3289-3334.

Para manter a oferta, as doações são essenciais, já que auxiliam recém-nascidos com risco extremo de vida enquanto a mãe ainda não consegue produzir o próprio leite. Conforme a técnica de enfermagem Roberta Pereira, com o leite humano, a recuperação dos recém-nascidos prematuros é mais rápida. “Estamos com o estoque de leite muito baixo e temos 40 leitos de UTI”, ressalta Roberta. Ela acrescenta que o leite materno aumenta a imunidade, diminui o risco de doenças infecciosas e diarreias, atuando ainda no sistema cognitivo do bebê.

Após o preenchimento de cadastro, a equipe começa a buscar o leite direto na residência da doadora. O leite recebido passa por uma análise de qualidade, segurança e pasteurização e, só depois, é liberado para o consumo dos bebês.

Mais informações também podem ser obtidas pelos e-mails [email protected] e [email protected]

Deixar um comentário

MAIS NOTÍCIAS

FACEBOOK

NEWSLETTER

Informe seu e-mail e fique por dentro das nossas novidades!

angela noticias

PREVISÃO TEMPO

HORÓSCOPO

COTAÇÃO AGRÍCOLA

INSTAGRAM

PODCASTS