Geral


Rio Grande do Sul tem 19 regiões em bandeira vermelha no mapa definitivo

Gabinete de Crise aceitou pedido de reconsideração da área de Guaíba
18/01/2021 Correio do Povo

O mapa definitivo da 37ª rodada do Distanciamento Controlado deixou 19 regiões em bandeira vermelha, o que significa que 89,5% da população do Rio Grande do Sul está em risco alto para contaminação do coronavírus. O governo estadual divulgou os dados nesta segunda-feira. 

O Gabinete de Crise aceitou apenas o pedido de reconsideração da região de Guaíba, que fica com a bandeira laranja nesta semana. Além dela, Caxias do Sul também ficou classificada em zona de risco epidemiológico médio para o vírus. 

As regiões em bandeira vermelha são: Porto Alegre, Bagé, Cachoeira do Sul, Canoas, Capão da Canoa, Cruz Alta, Erechim, Ijuí, Lajeado, Novo Hamburgo, Palmeira das Missões, Passo Fundo, Pelotas, Santa Cruz do Sul, Santa Maria, Santo Ângelo, Santa Rosa, Taquara e Uruguaiana. 

Segundo o Gabinete de Crise, a região de Guaíba recebeu a bandeira laranja nesta semana pois, mesmo com aumento de internações na região nos últimos sete dias, os números indicam redução da velocidade epidemiológica. Além disso, houve diminuição de óbitos na semana, apesar de ainda seguir em número considerável, e elevação da capacidade de leitos em comparação à semana anterior. 

O Gabinete de Crise indeferiu o pedido de Passo Fundo por considerar que a região tem elevado número de hospitalizações confirmadas com Covid-19 e também por estar em uma macrorregião com capacidade hospitalar em situação de alerta. 

De acordo com o Gabinete, um terceiro pedido, feito por um município, foi encaminhado sem haver previsão legal no decreto estadual do Distanciamento Controlado. Por este motivo, o recurso foi caracterizado como "não conhecido'', ou seja, não foi considerado válido.  

Deixar um comentário

MAIS NOTÍCIAS

FACEBOOK

NEWSLETTER

Informe seu e-mail e fique por dentro das nossas novidades!

angela noticias

PREVISÃO TEMPO

HORÓSCOPO

COTAÇÃO AGRÍCOLA

INSTAGRAM

PODCASTS