Política


Após dormir em carceragem da Polícia Federal, ex-ministro da Educação passa por audiência de custódia

Milton Ribeiro foi preso na manhã de quarta-feira, em Santos
23/06/2022 O Sul

O ex-ministro da Educação Milton Ribeiro dormiu na carceragem da PF (Polícia Federal) em São Paulo, na noite de quarta-feira (22) e, na tarde desta quinta (23), deve passar por uma audiência de custódia da Justiça Federal por videoconferência.


A PF prendeu Ribeiro na manhã de quarta, em Santos, no litoral paulista, durante uma operação que investiga os crimes de tráfico de influência e corrupção na pasta. À tarde, ele foi transferido para a sede da PF na capital paulista, onde segue detido.


Ainda na noite de quarta, a defesa do ex-ministro entrou com pedido de habeas corpus. Ribeiro era esperado em Brasília para a realização da audiência de custódia nesta quinta. A Justiça Federal determinou a imediata transferência do ex-ministro para a capital federal, mas a PF argumentou que não tinha logística para fazer isso na quarta nem nesta quinta a tempo de Ribeiro chegar no horário marcado para a audiência, às 14h.


O ex-ministro e dois pastores foram presos no âmbito da Operação Acesso Pago, que investiga irregularidades na liberação de verbas do FNDE (Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação).




Deixar um comentário

MAIS NOTÍCIAS

FACEBOOK

NEWSLETTER

Informe seu e-mail e fique por dentro das nossas novidades!

dj areletrica tyskabrechoAline Rosiaknacional gas telefone 2

PREVISÃO TEMPO

HORÓSCOPO

COTAÇÃO AGRÍCOLA

INSTAGRAM

PODCASTS