Polícia


Mulher que levou 18 facadas do ex-companheiro morre em hospital de Viamão

Vítima de 38 anos foi agredida na frente dos três filhos
29/11/2019 GaúchaZH

Uma mulher que levou 18 facadas do ex-companheiro no dia 23 de outubro, em Viamão, na Região Metropolitana, morreu na noite desta quinta-feira (28) na UTI do hospital da cidade. Letícia Ribeiro, 38 anos, foi atingida dentro de casa na frente dos três filhos.  

O agressor — que foi preso no dia do crime — teria realizado o ataque por não aceitar o fim do relacionamento e o fato de a vítima estar namorando outro homem. 

A morte de Letícia foi confirmada pela delegada Jeiselaure de Souza, da Delegacia da Mulher de Viamão, responsável por investigar o caso. Segundo ela, o inquérito foi concluído dez dias depois do fato como tentativa de feminicídio. Com a morte da vítima, ocorre uma alteração do tipo de delito. Paulo César Nunes, 43 anos, será indiciado por feminicídio. 

Um familiar do agressor deve ser indiciado por ter favorecido a fuga dele e dificultado a prisão. Nunes foi detido pela Polícia Civil horas depois do crime na casa desse familiar no bairro Viamópolis. 

Letícia foi atacada dentro da própria residência, no bairro Estalagem, na frente dos três filhos. O jovem de 18 anos e as meninas, de 10 e 13 anos, tentaram defender a mãe e ainda chamaram a polícia. 

Antes de ser esfaqueada e morta, Letícia havia registrado três ocorrências de agressões contra Nunes. Ela ainda não tinha medida protetiva.  GaúchaZH ainda não conseguiu contato da defesa do suspeito investigado. 


Deixar um comentário

MAIS NOTÍCIAS

Nacional Utilidades noticias

mega bazar 22223

zetty

FACEBOOK

g

NEWSLETTER

Informe seu e-mail e fique por dentro das nossas novidades!

angela noticias dentista luNacional Utilidades noticiasbender noticiasPARCEIROS noticiaszettymega bazar 22223STATUS  noticias

PREVISÃO TEMPO

HORÓSCOPO

COTAÇÃO AGRÍCOLA

INSTAGRAM

PODCASTS